quarta-feira, 3 de abril de 2013

Teresina Célia, a atrapalhadinha

Teresina Célia foi por alguns anos um membro de nossa família, fora casada com um primo meu.  Teresina era uma pessoa engraçada, mas era engraçada não por contar piadas, ou por ser irônica. Teresina Célia era engraçada porque era desligada e digamos ingenua demais. Teresina Célia era filha de dona Barbosinha outra pessoa digamos engraçada no mesmo nível, desde que não alugasse a gente.
Deixa que eu explico tudo:
Teresina Célia casou-se as pressas com meu primo George Washington por motivos de gravidez, normal hoje normal há 25 anos atrás também.
Teresina Célia tinha sempre um olhar perdido, como se estivesse fazendo cálculos matemáticos complexos. Todos os dias durante sua gravidez, voltava de carona comigo para sua casa e conversávamos qualquer coisa.
Em uma das vezes aconselhei-a a comprar fraldas descartáveis regularmente antes de dar a luz, assim quando o pimpolho nascesse já teria um estoque razoável. Ela prontamente me respondeu:
- Já tenho 10 pacotes! - e com um olhar de quem estivesse fazendo cálculos vetoriais começou uma enxurrada de correções enquanto eu dirigia.
-Não tenho 9 pacotes.. espera.... calma... tenho 8 pacotes.. não não... tenho 7 pacotes... não.. tenho 6 pacotes... lembrei... tenho 5 pacotes... não não tenho 4 pacotes...
E eu dirigindo e olhando as vezes para calculadora HP humana fazendo seus cálculos...
-Não tenho 3 pacotes... ahh! tenho 2 pacotes! melhor.. tenho 1 pacote.... Pensando bem eu tenho uma fralda só que veio numa brincadeira do meu chá de cozinha!
Não abri mais minha boca sobre o assunto e resmunguei do transito, tinha medo de algum cálculo novo.

Passou-se 3 anos... Teresina Célia já era bem da família, todo mundo conhecia seu olhar "Perdidos no Espaço" e já nem dava trela para isso, porém tinha uma nova vítima para ouvi-la.

Era a festa de 3 anos do Yan, fizemos num buffet infantil perto de casa, minha então sogra ( a colheitadeira profissional ) estava nos ajudando a recepcionar os convidados.
Quem ela recepciona?
Teresina Célia olha para Dona Carmen e diz:
- DONA CARMEN COMO A SENHORA REJUVENESCEU!! PARECE 20 ANOS MAIS NOVA!!! NÃO TE DOU MAIS QUE 45 ANOS. (falou muito alto, afinal ela estava elogiando)
Dona Carmen sorri largamente para ela e  abraça a criatura para que pare de falar... afinal dona Carmen estava com 40 anos na época!
E Teresina Célia entrou feliz, crente que tinha feito bem a alguém!

Só por curiosidade a mãe de Teresina Célia, a dona Barbosinha, era uma mulher que tinha o disco furado, ela te encontrava na rua e começava uma lista de como vai fulano, como vai sicrano e quando terminava a lista ela começa a lista de novo, no minimo 3 vezes. ( sério, não estou exagerando).
Calculando os vetores da fralda descartável

Ou era muito ingenua ou era de uma perversidade cabulosa 

6 comentários:

Palavras Vagabundas disse...

Saudades de você e seus textos!
Já conheci uma Teresina Célia, e o pior é que sempre estão ligadas a família da gente de alguma forma.
bjs
Jussara

Luana disse...

Po, mas finalmente postou, hein?
E como assim a figura foi de 10 pacotes para UMA fralda? hahahaha

Ai que medo!

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

OMG! Ele some mas, qdo aparece!!! rs ...

Medo destas Teresina Céliasssss ... rs

Madi Muller disse...

Bah,mas que figuras! Essa Teresina Célia é impagável! Morri de rir,mas fiquei com dó da coitada da Dona Carmen...

DO disse...

Fiquei mega curioso em saber a reação da sua ex-sogra,rssss. Tadinha da mulher.
Abração

Inaie disse...

hahahaha...de dez pacotes para uma unica fralda ganha num chá de bebe! Amei...