quarta-feira, 27 de abril de 2011

Doença da Estrela

Em 1976, meu irmão Bira  cursava a faculdade de engenharia Química e foi estagiar na Fábrica de Brinquedos Estrela. Por esse tempo, eu estava com 12 anos, já nem me interessava 'tanto' por brinquedinhos, mas sempre crescia os olhos pra uma coisa aqui outra acolá.
Era época em que iria ser lançado o boneco Falcon e a Estrela fazia grande suspense quanto ao fato.
Todos os dias eram incinerados varias cabeças desses bonecos, pois testavam como iria sair o cabelo, se iria sair somente pintado, ou com aveludado, ou que tipo de material era mais apropriado.
O Bira trazia sacos dessas cabeças pintadas, braços ou pernas, nunca se podia trazer todas as partes para que pudesse ser montados.
Eu comecei a criar um novo hobby, o de colecionar cabeças de Falcon ( naquela época, ainda não sabia se qual seria o nome do boneco). Tinha um saco com umas 40 cabeças.
Certo dia, melhor dizendo, certa noite, aquelas noites que surta a bobeira na gente, estava no meu quarto assistindo televisão, comecei a pegar as cabeças de Falcon e colocar na cara fazendo pressão, feito ventosas, coloquei bem umas 20 e fiquei assistindo a TV com todas as cabeças grudadas. (a cena deve ter sido algo maravilhosa) Acabei dormindo com todos os Falcons sugando minha pele.
Acordei de manhã com minha mãe me chamando pra escola, em seguida ela saiu pra minha avó e nem me viu. Não lembro direito, mas devo ter sido bem porcalhão de não ter lavado o rosto ou escovado os dentes, pois não me vi no espelho.
Fui todo campante para escola, claro, 100 metros antes de chegar na escola, já sabia que tinha acontecido merda, a mãe de um amigo meu veio saber o que eu tinha. Eu que nem desconfiava do que acontecia, disse que estava bem, mas a mulher não conseguia não acreditar que eu pudesse estar normal.
Cheguei na escola, a inspetora, uma Negra simpática e gigante que tinha a voz de um trombone (A Mammy de " E o Vento Levou..."), já foi gritando:
-OOO Garoto! que bolas pretas são essas na sua cara? você ta com sarampo gigante? Num pode entrar não!!!
Eu que nem lembrava dos meus amigos Falcons, entrei em pânico, achando que ia morrer. Olhei em um espelho,  eu tinha um rosto todo de círculos negros, parecia um Dálmata.
Fui parar na Diretoria, onde a diretora queria me mandar para a vigilância sanitária alegando doença infecto contagiosa, ligaram pra minha mãe, foi o caos.
Minha mãe, que nessa altura, já tinha arrumado o meu quarto, vira aquele monte de cabeças de Falcon no meu travesseiro, chegou na escola, viu minha cara cheia de círculos perfeitos negros. 1 + 1 =2 .. -David! você ficou grudando aquelas cabeças de bonecos na sua cara? Na hora eu arregalei os olhos e disse: -É mesmo. Minha mãe, diplomática com esse tipo de mico, como explicar para uma diretora que seu filho de quase 1,70m ficou grudando cabeças de boneca na cara?disse a diretora que era uma alergia que me levaria pra casa e que já no dia seguintes as manchas estariam mais claras.
Fui pra casa e dessa vez, reparei que todo mundo na rua me olhava.
Levei chupada do Falcon... de vááários Falcons, diga-se de passagem!

A Inspetora Mammy:
-OOOO Garoto! que bolas pretas são essas?

Deveria ser algo assim

Um dos que me chuparam
*Advertência: Falcon causa hematomas


14 comentários:

Edu disse...

Isso explica tudo! :-)

Wans disse...

nada boba a senhora, né? Pegou logo o falcon morenón. Atóron!!!

Paulo Braccini disse...

sim ... desde pequeno ele gostava de um chupão ... kkkkkkkkkkk

Fernanda Iasi disse...

Ah essa "lezeira" que nos persegue até hoje...kkkkkk...Bjo

Kantinho da Kekel disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk........só tu mesmo né?

É por isso que aaaaaaaaaaaamo vir aqui....meu coração se renova a cada risada......obrigada meu anjo.

Beijos

PS. Respondi o seu comentário no meu post Infancia de uma gordinha...se tiver tempo dê uma passadela por lá.

HPSS - a magia da nova identidade disse...

Genteeemmmmmm, acho que essa entra no TOP 10 de mais engraçadas!!!

Lobo disse...

Tô besta hahaha. E eu aqui tentando visualizar a cara cheia de cabeças de bonecos coladas hahaha.

Mas nem recrimino, porque nos meus momentos de ócio já fiz cada coisa também que hoje em dia olho e penso: "WTF?! Porque, céus?"

Nina disse...

Adorei seu blog. De verdade!!!!!
Morei em Indaiatuba por 10 anos e hj volto nos fds. Suas histórias são ótimas...escreve um livro? escreve?

beijos
da Rô


@rosanina

Renata C., UMA EXPATRIADA (esposa, mae, mulher...) disse...

Adorei os chupoes! Agora vou ficar pra ler mais! Kkkk!

Euzer Lopes disse...

Rapaz, eu já vi e ouvi peripécias infantis aos montes mas tão inocentemente divertida como essas suas, nunca.
Adorei. Achei muito legal. Ri muito aqui lendo isso, imaginando sua cara, a cara da sua mãe, do pessoal da escola...
Detalhe: eu nunca achei a menor graça no Falcon.

www.meioameioblog.blogspot.com
UMA FILHA PARA CHAMAR DE MINHA

Dino Costa disse...

ótimo post.

Inaie disse...

mas chupao no rosto???


E as foros da revista nao sairam ainda ne? A festa foi ontem...

o Humberto disse...

Olha, nem terminei de ler o post, mas só de imaginar ter um parente na Estrela nos anos 70 eu senti um calafrio, fui direto pra infância. Eu teria um troço.

Deixa eu voltar pra ler o resto.

o Humberto disse...

HAHAHAHAH!!!!
Como assim "tem umas bolas pretas na sua cara???" KKKKKKKKKKK!!!

Então o Falcon é de qdo eu era bebezinho, por isso que minha mão fala que eu tinha e eu juro que nunca tive não tinha idade pra lembrar.

E vc,hein, levando chupão da galera aos 12, francamente...

Hehehe, esses são seus melhores posts, morro de rir.

Abraço, meu amigo tô aí de volta. :)